Bem-Vindo, Visitante
Username: Password: Lembrar-me

Pesquisa no Fórum

  • Página:
  • 1

TÓPICO: Conexão 3G é praticamente inexistente em rodovias brasileiras, diz Proteste

Conexão 3G é praticamente inexistente em rodovias brasileiras, diz Proteste 31 Jul 2013 09:47 #198722

Não é novidade afirmar que o smartphone possui diversas utilidades. Uma delas, é a favorita dos motoristas: o GPS, que pode auxiliar o condutor a chegar no destino sem muita complicação, além de ser o melhor aliado na hora de pegar estradas. Porém, para usufruir deste aplicativo em seu smartphone é preciso, primeiramente, ter um sinal 3G. Mas será que ele lhe deixará na mão fora dos centros urbanos - e quando você mais precisar dele?

Entre os dias 4 de março e 25 de abril, os técnicos da Proteste - Associação dos Consumidores percorreram, de carro, mais de 5 mil quilômetros nas regiões Sul, Sudeste e Nordeste e mediram o sinal da rede 3G das principais operadoras do País - Oi, TIM, Claro e Vivo. O resultado foi que todas elas possuem sinal muito fraco (ou nenhum) na maioria dos trechos percorridos, o que impossibilita qualquer acesso à internet ou ao GPS do celular.

O sinal 3G (superior a 400 kbit/s) apenas foi registrado nas capitais e em algumas regiões metropolitanas, sendo que nenhuma operadora cobriu mais do que 51% do trajeto percorrido pelos técnicos da Associação. Nas rodovias, longe desses centros, a conexão caiu drasticamente e são raras as vezes que ela atingiu velocidade 3G. Os testes mostraram, por exemplo, que praticamente não há qualquer sinal nas estradas do Nordeste. Já a região Sul tem a menor cobertura com qualquer tipo de sinal de celular, considerando estradas e região metropolitana.

Entre as operadoras
Segundo a Proteste, a Claro teve a pior conexão entre as operadoras. Em média, 65% das tentativas de acessar a rede 3G da Claro, no estado de São Paulo, foram sem sucesso. Na Região dos Lagos, no Rio de Janeiro, as conexões foram poucas e muito lentas. O mesmo ocorreu nas capitais Maceió e Fortaleza. No Sul, a Claro foi a operadora com menos acessos. Contudo, apesar das poucas conexões, quando elas ocorrem, possuem a melhor média de velocidade entre as operadoras.

No caso da TIM, ela se destaca no Nordeste, com a melhor cobertura 3G. A única capital dessa região com má recepção foi Natal. No litoral paulista, seu sinal era lento e só aparecia em poucos pontos, mas foi a melhor na Região dos Lagos, do Rio. No Sul do país, seu sinal foi fraco em Foz do Iguaçu e Florianópolis.

A Oi foi a que atingiu a maior área do estado de São Paulo. Sua conexão nem sempre era 3G, mas dava para acessar a Internet, informou a Proteste. Contudo, não foi encontrado nenhum sinal da Oi em Sorocaba, interior de São Paulo. “Vale registrar que a Oi limita, em todo Brasil, sua conexão a 1.000 kbit/s, porém é a mais presente nessa velocidade do que as demais operadoras.”

Já a Vivo se saiu muito bem no Nordeste, com a conexão mais rápida em todas as capitais – destaque para Fortaleza, Maceió e Recife. Mas deixou muito a desejar na região Sul do país.

Além de falta de conexão, a entidade também chamou a atenção em relação à velocidade do sinal ofertados por todas operadoras brasileiras. “O mais rápido que conseguimos foi 7.269 kbit/s, com a Vivo, no bairro do Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Esse máximo é a média das conexões 3G em países da Europa, onde a velocidade atinge picos de 20.000 kbit/s”, relatou o estudo.

"Em Busca do 3G Perdido"
Anteontem, segunda-feira (29), a entidade lançou a campanha “Em Busca do 3G Perdido” para as pessoas que não conseguem usar o celular relatarem o problema. O internauta pode deixar sua reclamação pela falta de qualidade do serviço do 3G no site: www.embuscado3gperdido.com.br.

Outro lado
Procurada pelo Portal InfoMoney, a TIM informou que está avaliando os resultados do teste da Proteste para "verificar oportunidades de melhoria em sua rede 3G ao longo das estradas brasileiras". A empresa também informou que 90% do investimento de R$ 10,7 bilhões da operadora serão utilizados em projetos de infraestrutura. Ela também destacou que "de acordo com a regulamentação vigente, é faculdade da operadora cobrir estradas fora dos distritos sede dos municípios."

Já a Oi informou, por nota, que também está investindo na expansão da cobertura e da capacidade da rede 3G em todo o País. De janeiro a junho deste ano, a Oi afirma que já levou a rede 3G para mais de 170 novos municípios, o que representa um acréscimo de mais de 5 milhões de pessoas no total da população urbana coberta pela companhia. A operadora acrescenta que, em 2012, o número de municípios cobertos pela rede 3G da empresa cresceu 155%.

Por nota, a Claro afirmou que está presente com sua rede 3G nas principais rodovias do País e promete investimentos em infraestrutura. "Até 2014, serão investidos R$ 6,3 bilhões no país em infraestrutura de rede, sendo parte desses investimentos destinada especificamente para o reforço da cobertura 3G nas estradas do País. A Claro já conta com cobertura 2G na maior parte da malha viária brasileira."

Até o fechamento desta matéria, a Vivo não se pronunciou sobre o assunto.


Fonte: Yahoo
  • Fábio M.
  • Moderador
  • Fábio M.'s Avatar
  • OFFLINE
  • Postagens: 3366
  • Agradecimentos: 1239
  • Registro em: 20/10/2011
    Ult. Visita: 07/12/2016
Pesquise sempre! O fórum tem um acervo enorme com dúvidas respondidas. Evite abrir novos tópicos, utilize os tópicos já existentes.
Não crie uma nova mensagem para agradecer, clique apenas em 'Agradecimento' se a resposta lhe foi útil.
Última Edição: 31 Jul 2013 09:55 por Fábio M..
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.
Os seguintes usuários disseram Obrigado: BrunoBL, Sherlock, machadocampista

Conexão 3G é praticamente inexistente em rodovias brasileiras, diz Proteste 31 Jul 2013 10:19 #198726

Infelizmente a maioria das operadoras só quer vender o produto, eles te oferece informando que tem sinal na sua residência, garantindo ele "3G" mas quando adquirimos infelizmente não é o que acontece, já no centro do RJ onde trabalho funciona perfeitamente embora há muitas interferências de OEM (Ondas Eletro Magnéticas) de uma operadora, sendo maior do que a outra fazendo com que isso dificulte a transmissão garantida da operadora na qual você adquiriu.
Ex.: No prédio que eu trabalho muitos usam 3G da Claro, mais o prédio fica do lado do prédio da Oi onde tem Herbes grandes dificultando assim o sinal da minha operadora.
Eu sou técnico em Telecomunicações e intendo esse problema, querem alcançar os altos lucros mas primeiro tem que ter o suporte.

Obs.: Isso é expressamente minha opinião :oks.
Att.:
MC
  • machadocampista
  • Colaborador
  • Não hesite em repassar conhecimento.
  • machadocampista's Avatar
  • OFFLINE
  • Postagens: 1251
  • Agradecimentos: 554
  • Registro em: 31/10/2012
    Ult. Visita: 06/11/2016
Os ignorantes que acham que sabem tudo privam-se de um dos melhores prazeres da VIDA, que é APRENDER.
Se minha resposta foi útil a você, clique no botão 'agradecer'.
GPS FOSTON FS707DC:
Download: Menu 320x240 (3.5") 3 Navegadores
Download: Menu 480x272 (4.3" e 5.0") 3 Navegadores
Download: Menu 800x480 (7") 3 Navegadores
Clique Aqui ajudando a manter o GPSPoint no ar
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Conexão 3G é praticamente inexistente em rodovias brasileiras, diz Proteste 31 Jul 2013 10:24 #198727

Grande Fábio,

Em relação ao GPS no celular:
[...] para usufruir deste aplicativo em seu smartphone é preciso, primeiramente, ter um sinal 3G. Mas será que ele lhe deixará na mão fora dos centros urbanos - e quando você mais precisar dele?

Isso é porque a maioria dos celulares utilizam receptores GPS do tipo A-GPS exclusivo. Como sabemos, objetivando acelerar a captura, o A-GPS baixa os dados orbitais dos satélites via rede (celular ou wiFi) se estas estiverem disponíveis. Caso contrário, os baixa dos próprios satélites como nos demais aparelhos de GPS. Mas o A-GPS exclusivo depende da rede (celular ou WiFi) para fazer isso, não dispondo da opção "autônoma" como os demais aparelhos de GPS, daí a necessidade de star conectado.

Mas há uma maneira de contornar isso: basta ligar o receptor de GPS do celular e deixa-lo capturar os satélites antes de sair para a viagem, ainda no ambiente urbano e com cobertura de rede. Uma vez localizado, ele não dependerá mais da rede de celular para funcionar, e a viagem poderá seguir por qualquer lugar, com ou sem rede, com a navegação baseada exclusivamente nos satélites GPS.

BBL
  • BrunoBL
  • Gerente
  • Joinville - SC
  • BrunoBL's Avatar
  • OFFLINE
  • Postagens: 5070
  • Agradecimentos: 1616
  • Registro em: 11/06/2010
    Ult. Visita: 07/12/2016
Toda ajuda é feita via fórum. Não envie pedido de ajuda por mensagem privativa.
Clique aqui para ajudar a manter o GPSPoint no ar
Última Edição: 31 Jul 2013 10:26 por BrunoBL. Razão: erros de digitação
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.
Os seguintes usuários disseram Obrigado: Fábio M., machadocampista

Conexão 3G é praticamente inexistente em rodovias brasileiras, diz Proteste 31 Jul 2013 10:28 #198728

Mas há uma maneira de contornar isso: basta ligar o receptor de GPS do celular e deixa-lo capturar os satélites antes de sair para a viagem, ainda no ambiente urbano e com cobertura de rede. Uma vez localizado, ele não dependerá mais da rede de celular para funcionar, e a viagem poderá seguir por qualquer lugar, com ou sem rede, com a navegação baseada exclusivamente nos satélites GPS.

BBL

Grande BBL!!!! não sabia que isso passaria a funcionar como o nosso brinquedo GPS, vou anotar isso em minha cartilha :oks.
Att.:
MC
  • machadocampista
  • Colaborador
  • Não hesite em repassar conhecimento.
  • machadocampista's Avatar
  • OFFLINE
  • Postagens: 1251
  • Agradecimentos: 554
  • Registro em: 31/10/2012
    Ult. Visita: 06/11/2016
Os ignorantes que acham que sabem tudo privam-se de um dos melhores prazeres da VIDA, que é APRENDER.
Se minha resposta foi útil a você, clique no botão 'agradecer'.
GPS FOSTON FS707DC:
Download: Menu 320x240 (3.5") 3 Navegadores
Download: Menu 480x272 (4.3" e 5.0") 3 Navegadores
Download: Menu 800x480 (7") 3 Navegadores
Clique Aqui ajudando a manter o GPSPoint no ar
Última Edição: 31 Jul 2013 11:48 por Fábio M.. Razão: "Quote"
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Conexão 3G é praticamente inexistente em rodovias brasileiras, diz Proteste 31 Jul 2013 10:53 #198733

Fábio M.

Excelente tema!
Na minha opinião os "buracos" na cobertura 3G são um dos motivos pelo qual o Waze não "explode" no Brasil
Em Israel (país de origem do aplicativo) que é mais ou menos do tamanho do Estado de Sergipe e com um pouco mais de tecnologia no ar a coisa deve ser muito diferente
Afim de comparar a experiência deste navegador com a de um iGO qualquer tentei uma rota da praia até a serra (em Águas de Lindoia) passando por Campinas, Mogi, etc. Em diversos trechos da estrada entre Mogi e A.L. o dispositivo fica sem cobertura da operadora (3G) e o mapa simplesmente some!
Ou seja, ainda não dá para recomendar navegação On-line exatamente pelo problema do tema do tópico: cobertura ruim nas estradas brasileiras - nestes casos, se quiser ter certeza de que não vai ficar "fora do mapa", certifique-se de ter os mapas por onde vai passar descarregados em seu Smartphone e de usar um navegador compatível com o receptor GPS por satélite do aparelho

:)

Sk
  • Sherlock
  • Gerente
  • Sherlock's Avatar
  • OFFLINE
  • Postagens: 5958
  • Agradecimentos: 8098
  • Registro em: 04/09/2010
    Ult. Visita: 28/11/2016
Faça uma doação de qualquer valor e ajude a manter o GPSPoint no ar!
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.
Os seguintes usuários disseram Obrigado: Fábio M.
  • Página:
  • 1
Time to create page: 0.491 seconds